JALES - SP | NATIVA 93,1

Semear é Cuidar: Jales recebe projeto que oferecerá exames gratuitos de mamografia às mulheres do campo

Fonte: Foco News

O projeto “Semear é Cuidar,” que tem como lema “Semeando informação e promovendo saúde para mulheres do campo”, realizado em parceria entre o Sistema FAESP/SENAR-SP, Comissão Semeadoras do Agro, ONGs Orientavida e Pense Rosa, em conjunto com o Sindicato Rural e Prefeitura de Jales foi lançado em Jales oficialmente na manhã da segunda-feira, dia 06 de maio, no Sindicato Rural de Jales.

O evento de lançamento do programa contou com a presença do presidente do Sindicato Rural de Jales, o Sr. José Candêo, o diretor Barcinho Ormaneze, a diretora da FAESP e coordenadora executiva da Comissão Semeadoras do Agro, Dra. Adriana Menezes, a vice-presidente da Comissão Semeadoras do Agro, Dra. Juliana Farah, o gerente regional do Sebrae, Marcos José Amâncio, a analista de negócios do Sebrae, Camila Brunassi Marques, a diretora da Ong Orientavida, Ana Eliza Angelieri, a secretária municipal de Saúde, Nilva Gomes Rodrigues de Souza, a secretária municipal de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Meio Ambiente, Sandra Gigante, o secretário de Comunicação Douglas Zílio, o presidente do Conselho Municipal de Saúde, José Célio Martini, a assessora do Fundo Social de Solidariedade, Andréa Modesto, que representou a presidente e primeira-dama Alziane Rossafa Moreira, a vereadora Ana Carolina Lima Amador, além da equipe de colaboradores do Sindicato Rural de Jales e agentes de saúde.

O projeto “Semear é Cuidar” é um desdobramento do “Programa Promovendo Saúde no Campo” (PPSC), que realiza palestras sobre saúde da mulher e exames gratuitos de mamografias e ultrassons. Por meio do projeto, cada sindicato tem a oportunidade de indicar mulheres do campo que não tenham plano de saúde e realizar, de forma gratuita, 50 exames de mamografia.

O programa, que busca aprimorar a qualidade de vida e a saúde das mulheres, conta com a participação ativa dos sindicatos rurais, com o apoio da Secretaria da Mulher do Governo de São Paulo, Américas Amigas e das Prefeituras Municipais e secretarias de saúde regionais.

Para a Dra. Juliana Farah, vice-presidente da Comissão Semeadoras do Agro, a proximidade com as comunidades é um fator positivo para a realização do projeto: “O objetivo é buscar cidadania e a inclusão da mulher do campo. Muitas vezes, elas não têm a possibilidade de acesso à unidade básica de saúde e a serviços médicos em geral, mesmo que para exames simples. Queremos apoiá-las e contribuir não só com a realização dos exames, mas também com informações e orientações”.

Segundo a Dra. Juliana, infelizmente, muitas mulheres acabam não realizando exames preventivos, e quando descobrem algo, 77% delas já está em um estágio avançado da doença, quando já não há mais possibilidades de tratamento. Além de disponibilizar exames, o “Semear é Cuidar” proporciona às produtoras rurais uma rede de apoio e informação sobre cuidados com a saúde.

A secretária municipal de Saúde, Nilva Gomes Rodrigues de Souza, parabenizou a iniciativa durante a cerimônia de lançamento do projeto: “gostaria de agradecer imensamente a parceria do Sistema FAESP/SENAR-SP com o Sindicato Rural e a Prefeitura de Jales, por meio da Secretaria de Saúde e aproveito a oportunidade para colocar à disposição nossas equipes da Estratégia da Saúde da Família da Zona Rural para ajudar a identificar as mulheres do campo para que possam realizar os exames de mamografia, essenciais para a prevenção e detecção precoce do câncer de mama”.

A secretária de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente, Sandra Gigante também agradeceu o apoio da FAESP/SENAR, Sindicato Rural de Jales, do SEBRAE e das demais instituições envolvidas e destacou “a sensibilidade do projeto que percebeu a carência da mulher do campo que, muitas vezes, descuidam da atenção à saúde. Cada vez mais percebemos como as produtoras rurais estão precisando de ações como essas. Além  dos exames de saúde que o Programa oferece, a mulher do campo percebe que está sendo valorizada por causa do carinho e atenção oferecidos a elas. Como disse a Dra. Juliana, são experiências que elas vão levar na memória para sempre”, finalizou.

O Programa, que tem como lema “Semeando informação e promovendo saúde para mulheres do campo”, já encaminhou mais de mil mulheres para exames de mamografia e ultrassom em 19 municípios do Estado, em um ano de trabalho. Para 2024, a previsão é chegar a mais 13 cidades, atendendo a cerca de 3 mil mulheres e também atuar na prevenção ao câncer de colo de útero e de pele.

Fique por dentro
Últimas notícias